---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


CORDILHEIRA ALTA TERÁ SÁBADO “D” PARA MARCAR O OUTUBRO ROSA E NOVEMBRO AZUL

Publicado em 08/11/2018 às 09:36 - Atualizado em 08/11/2018 às 09:36

Cordilheira Alta terá um dia “D”, com atividades especialmente programadas para alertar a população masculina e feminina quanto a importância da prevenção contra os Cânceres de Mama, Colo de Útero e Próstata.

A Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social reservou o sábado, dia 24 de novembro,  para realizar diversas atividades que marcarão as campanhas Outubro Rosa e Novembro azul, de forma compartilhada.

O cronograma final de atividades ainda está sendo definido, mas a Secretária da Pasta, Rafaela Dezen, antecipa algumas ações. “Neste sábado “D”, teremos uma tarde toda (das 13h às 17h),  reservada para diversas atividades e campanhas de conscientização. Tudo está sendo preparado pela nossa equipe de profissionais, ainda temos alguns pontos para ajustar, mas já posso antecipar que realizaremos os exames preventivos (Papanicolau), testes rápidos, exames de PSA,  atividades com a Nutricionista que deve estar expondo sobre alimentos funcionais, a Psicóloga que fará um trabalho voltado à autoestima e várias outras atividades que ainda estamos definido com a equipe”, comenta.

Rafaela fala sobre a importância da prevenção e principalmente do Autoexame. “Os números tanto do Câncer de Mama, como de Próstata, mostram que ainda temos muitas mortes no Brasil que poderiam ser evitadas se as doenças fossem diagnosticadas em estágio inicial. No caso do Câncer de Mana, em estágio inicial a doença tem uma taxa de cura de 95% e o de próstata 90%. Nós damos todo o suporte tanto para elas como para eles, para que o Câncer não “ceife” vidas prematuramente, mas as pessoas também precisam fazer sua parte. No caso das mulheres o Autoexame é muito importante e para os homens, ainda temos a barreira do machismo, que é um absurdo, mas aos poucos com estas campanhas de conscientização, vamos vencendo estes obstáculos e quem sabe um dia, quase não teremos mortes por conta destas duas doenças”, finaliza.